20/01/2017

Projeto tem objetivo de transformar Curitiba em referência em inovação

vale_do_pinhao

O diretor presidente dos Institutos Lactec, Luiz Fernando Vianna, participou nesta quinta-feira (19) do primeiro workshop para discussão de ideias para o Vale do Pinhão, projeto da prefeitura de Curitiba que pretende transformar a cidade em referência em inovação. Vianna falou sobre a experiência da instituição em projetos de pesquisa e desenvolvimento científico e tecnológico.

A ideia do Vale do Pinhão é fazer com que instituições públicas, investidores, grandes empresas e startups atuem em conjunto para fortalecer o desenvolvimento de negócios inovadores na capital, principalmente na área da economia criativa. O nome faz alusão à região do Vale do Silício, nos Estados Unidos, em que estão sediadas empresas que se destacam na geração de inovações tecnológicas, como Apple, Google, Facebook, eBay, HP e Intel, além da Universidade de Stanford.

No evento, realizado no auditório do Memorial de Curitiba e aberto pelo prefeito Rafael Greca, mais de 300 pessoas acompanharam a apresentação do mapa do Vale do Pinhão, que ficará na região do Rebouças. O antigo Moinho Rebouças será transformado em Engenho da Inovação e funcionará como núcleo do projeto.

Segundo a prefeitura, a região também foi escolhida por abrigar em seu entorno alguns polos de referência, como campus da UFPR, PUCPR, UTFPR, além da Fiep, dos Institutos Lactec, do Jardim Botânico – importante banco genético da flora nativa -, e de centros de pesquisa em saúde, como os hospitais Cajuru e Marcelino Champagnat.

Além de Vianna, participaram do workshop representantes do Ippuc, Agência Curitiba de Desenvolvimento, Aldeia Coworking, Isae/FGV, sistema Fecomércio, Agência Paraná de Desenvolvimento, secretários municipais, administradores regionais e vereadores.